AO VIVO
Menu
Busca quarta, 05 de maio de 2021
Busca
São Paulo
28ºmax
15ºmin
Diário Popular Super
Correios
Geral

Jorge Jesus critica proibição de torcedores em estádios de Portugal

"Temos que saber testar, isolar e prevenir", diz ex-técnico do Fla

26 setembro 2020 - 11h00Por André Dorea

O técnico do Benfica, o português Jorge Jesus, reclamou nesta sexta-feira (25) da recusa do Governo de seu país de permitir que torcedores acompanhem jogos de futebol nos estádios.

Jesus disse que não consegue entender a razão de as torcidas serem proibidas de assistir partidas de futebol enquanto cinemas e teatros estão abertos, e o festival anual de música Avante aconteceu neste mês.

“De todas as atividades, o futebol é a que melhor conseguiu lidar e conviver com o vírus”, disse o treinador a repórteres.

“Não entendo a razão de não podemos ter torcedores nas partidas de futebol. Não entendo esta conversa de que assistir a um jogo de futebol é diferente de ir ao cinema, ao teatro ou ao festival Avante”, acrescentou, referindo-se aos comentários do primeiro-ministro António Costa neste mês.

Jesus, de 66 anos, que voltou ao Benfica para uma segunda passagem após treinar o Flamengo na temporada passada, disse acreditar que entre 15 mil e 20 mil pessoas poderiam assistir os jogos no Estádio da Luz, do Benfica.

Portugal permite atualmente a abertura de restaurantes e cafés com restrições, enquanto cinemas e teatros também estão abertos com capacidade reduzida. O festival Avante estava sujeito a limitação de público quando foi realizado.

“Temos que saber como testar, isolar e prevenir”, acrescentou Jesus. “Caso contrário, todos nós ficaremos em casa e enlouqueceremos”, disse o técnico.

* Com informações Agência Brasil